Um a menos


E lá se foram 33 anos…
E nesse tempo aprendi algumas coisas realmente importantes sob o meu ponto de vista.
Aprendi que quando faço aniversário, nunca tenho um ano a mais, e sim um a menos.
Será sempre um dia a menos pra ser vivido.
Não… Não é drama, é dar conta da realidade, é enxergar o futuro (caso ele exista) como um presente a ser aberto.

E hoje eu aprendi que apenas posso agradecer.

Agradecer as conquistas, aprendizado, dificuldades e pessoas que a vida me apresentou.
Pessoas que me ensinaram tantas coisas e independente da pessoa, ela sempre conseguiu me ensinar algo com suas atitudes, sendo estas boas ou ruins.
E foi tanta gente que passou, tanta gente que me encheu de orgulho, outras de decepções, mas uma coisa é certa,  elas sempre contribuíram para minha evolução. Ou me ensinaram a ser como elas, ou a nunca ser como elas.
Aprendi que erros ensinam,
derrotas fortalecem.
Que amor não mata, apenas me deixou esperta.
Que por mais que eu me esforçe pra não magoar algumas pessoas, elas estão cagando pra mim.
Aprendi também que amigos não são tão poucos assim ( os meus eu não consigo contar nos dedos das mãos). Mas você só vai descobri-los quando tiver num baita perrengue.
Que família apesar dos defeitos, é a coisa mais perfeita que existe.
E que mãe é o melhor presente da minha vida inteira.
Aprendi que protetor solar evita rugas ( já que não tenho dinheiro pra comprar Renew)
E que meu salário faz milagres se eu souber usa-lo. (ainda assim não sobra pra comprar Renew)
Aprendi que eu trabalho pra viver e não o contrário.
Que nunca é tarde pra mudar de idéia.
Que viajar é melhor que aula de história e geografia .
Que exercício físico é necessario, e dieta é uma ridícula perda de tempo,
mas  que bons hábitos são fundamentais!!! Caso eu queira passar dos 50.

O organismo muda e exige algumas precauções, ou então pagamos um preço, nada barato. 

Falando  em mudanças, o corpo (esteticamente falando) tambem muda. Mas se eu troco A Van de hoje pela Van de uns 10 anos atras? Não mesmo. Com o tempo aprendi aceitar meus defeitos e me amar incondicionalmente.

Aprendi que beber é bom, sem ressaca então, é divino.
Há alguns anos via a ressaca como consequencia de uma noite bem das divertidas…
Hoje ressaca pra mim, é como a loira do banheiro da minha infância, assustador!
Sendo assim prefiro evitar.
Nãão gente! Eu não parei de beber não… só tomo engov antes e depois, e água durante a bebedeira!
Aprendi que “Foda-se”é libertador!
Que cérebro é mais atraente que qualquer abdômen sarado.
Que existem mais moleques que homens (independe de faixa etária ).
Que eu ainda tenho muito a aprender.
Que sair de casa é bom, mas voltar pra casa é bom pra caralho!!!
Que a gente nunca valerá muita coisa, pra quem não vale nada.
Que o melhor travesseiro é a consciencia tranquila.
Que o erro é humano e o perdão é divino.
Que a vida é linda se você fizer a escolha certa.
Aprendi que o hoje deve ser vivido o maximo possivel, porque enquanto não se prova o contrário, o amanhã não existe.

Carpe Diem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s